• Aprenda SEO

10 maneiras de reviver suas campanhas de e-mail marketing desactualizadas em 2022

  • Melissa Mauro
  • 5 min read
10 maneiras de reviver suas campanhas de e-mail marketing desactualizadas em 2022

Introdução

O marketing digital está evoluindo em ritmo acelerado. A cada ano, observa-se o surgimento de novas abordagens, estratégias e canais de marketing. As estratégias de marketing que eram muito requisitadas há cerca de cinco anos não são relevantes hoje em dia. No entanto, o e-mail marketing ainda mantém sua eficácia no setor.

Muitos marqueteiros temiam que o advento das redes sociais e até mesmo a otimização da busca significasse o fim do marketing eletrônico. De fato, os avanços e inovações em marketing e vendas resultaram em mudanças tangíveis no comportamento do consumidor.

Entretanto, de acordo com estatísticas, o número de usuários de e-mail chegará a 4,3 bilhões em 2022, e esta tendência continuará. Até 2025, o número de pessoas que utilizam o e-mail aumentará para 4,6 bilhões. Este aumento é devido ao novo hábito do consumidor, que é explicado pelos dados estatísticos, que afirmam que cerca de 81% dos consumidores optam por comprar via e-mail. Como resultado, o investimento nesta área poderia resultar em uma campanha de sucesso.

Como você torna uma campanha por e-mail mais eficaz?

Em geral, o e-mail marketing não é apenas uma forma barata e eficaz de alcançar clientes potenciais, mas também é uma ótima maneira de interagir com eles através do conteúdo. Se você tiver dificuldades para escrever textos atraentes, visite os sites de redação de resenhas, como Avaliado por estudantes. Aproximadamente 59% dos consumidores confirmaram que os e-mails da marca influenciam suas decisões de compra.

Com base nestas estatísticas, pode-se dizer que se você fizer tudo corretamente e atualizar sua campanha de e-mail marketing desatualizada, um afluxo de novos clientes aparecerá em breve. Como o e-mail está disponível tanto em dispositivos móveis quanto em PCs, muitas pessoas consideram o e-mail marketing como uma técnica universal.

Ela combina uma variedade de disciplinas de marketing, inclusive:

  • Marketing de conteúdo;
  • Marketing móvel;
  • Video marketing.

Os consumidores de hoje esperam que as mensagens sejam personalizadas e adaptadas aos seus interesses específicos. E isto deve ser considerado ao reavivar sua antiga campanha de e-mail marketing.

Como tornar uma campanha de e-mail mais eficaz?](imagens/imagem2.jpg) (Fonte da imagem: freepik.com)

1. Confira seus dados

Examinar o conteúdo e eliminar quaisquer características que estejam desatualizadas ou ineficientes. Se o conteúdo tocar em um tópico que não seja mais relevante para seus objetivos comerciais ou audiência, ele deverá ser substituído. Conteúdo antigo e links quebrados também entupem os resultados dos mecanismos de busca internos e externos e podem dar aos visitantes uma impressão negativa de sua marca.

2. Repensar suas metas gerais para o ano

Estabeleça metas para o ano para a criação e distribuição de conteúdo através de uma campanha por e-mail, caso ainda não o tenha feito. Procure o feedback de toda a sua organização para determinar como seus esforços de criação de conteúdo este ano podem apoiar melhor sua equipe de vendas.

Depois de estabelecer seus objetivos táticos, amplie seu pensamento compilando uma lista de expectativas para sua equipe de conteúdo e seus resultados. Há alguma meta extra que você queira atingir em termos de atrair clientes potenciais através deste canal? Tente usar o novo formato de conteúdo. Para obter ajuda na redação, você pode visitar revisão de serviços de redação profissional e os sites de revisão de redação

3. Refresque sua imagem

Quando foi a última vez que você mudou a aparência de seu website, o formato de seu conteúdo ou a freqüência das explosões de seu e-mail? Se o design e o método de envio de conteúdo parecerem desatualizados, é hora de atualizar a imagem de sua marca aos olhos dos clientes.

4. Fornecer informações de alta qualidade

Verifique se o texto do e-mail atende a nove critérios importantes. Tem que ser:

  • Se você se oferecer para comprar um cartão de visita, um jogo de tênis ou um serviço de promoção SEO no site, escreva sobre isso imediatamente, mas não no final da mensagem. Se você tiver dificuldades para estruturar seu conteúdo ou escrever, procure ajuda de um website de revisão de redação como Trust My Paper;
  • Persuasivo. Use argumentos para apoiar sua oferta;
  • *Appealing***. Inclua algumas infografias e imagens no texto, e projete visualmente para que as cartas sejam fáceis de ler;
  • Estruturado.** Subtítulos, quebras de parágrafo e listas ajudarão o leitor a entender as informações importantes a serem transmitidas; Emocional e animado***;
  • Adaptado para vários dispositivos. Muitas pessoas lêem e-mails em seus telefones celulares, e você deve considerar este ponto. Torne os botões CTA visíveis separadamente para as versões desktop e móvel da carta, e use uma fonte que não seja muito grande; *Utilizar.Disponibilizar aos leitores informações vitais;
  • *Inclua uma chamada para ação (CTA).** Não precisa ser um pedido de compra ou ordem. Convide o leitor para visitar seu site ou blog, ler um novo artigo, ver novas notícias, ou fazer uma pergunta/consulta.

5. Escolha o momento certo

Antes de iniciar uma nova campanha de e-mailing, você deve determinar para quem enviará seus e-mails - B2B ou B2C. Os e-mails B2B podem ser enviados em dias de trabalho e durante o horário de trabalho. Quando se trata de B2C, cartas de marketing podem ser enviadas a qualquer hora do dia.

Com isto, não se deve exagerar na freqüência da distribuição. Se for possível enviar duas ou mesmo três cartas por semana para clientes B2C, o máximo para destinatários B2B é uma carta por semana.

6. Torne-o interativo

O conteúdo interativo é usado para aumentar a abertura, a clicabilidade e o interesse do usuário pelos e-mails. Este conceito engloba tudo que utiliza elementos de e-mail para obrigar o cliente a agir.

As ferramentas on-line que têm sido utilizadas com sucesso no envio incluem

  • Botões animados e hífens;
  • Pesquisas e vídeos incorporados;
  • Efeitos dinâmicos do design do movimento;
  • Elementos de gamificação;
  • Classificações de serviço, etc.

7. Reviva as correspondências que você abandonou anteriormente

Afinal de contas, já existe uma base de clientes! Depois de purgar o banco de dados de endereços inválidos e inexistentes, escreva para os assinantes, endereçe-os pelo nome e lembre-os quem você é e por que sua empresa é famosa.

Tente descobrir como proporcionar um benefício a uma pessoa (material útil, uma lista de verificação, ou um bônus) que a induza a retornar ao seu site e começar a ler o boletim informativo.

8. Verifique se seus e-mails estão adaptados à tecnologia moderna

O design adaptável e a disposição dos e-mails não é mais um privilégio, mas uma necessidade. Os dispositivos móveis estão deslocando os dispositivos de mesa.

Como resultado, antes de iniciar uma campanha de e-mail marketing, é fundamental garantir que ela seja exibida corretamente em vários dispositivos. Há várias maneiras de verificá-lo:

  • Criar uma caixa de correio de reserva, enviar uma carta de teste e depois testar a adaptabilidade de vários dispositivos;
  • Verificar e analisar o layout da mensagem usando serviços especialmente projetados como Litmus, [email protected], Mail Tester, Email on Acid, e Google AMP Playground.

9. Personalização

A personalização no e-mail marketing considera as preferências e interesses únicos dos usuários. As empresas freqüentemente fazem ofertas comerciais pessoais com base no feedback que receberam dos assinantes.

O e-mail marketing emprega as seguintes técnicas de personalização:

  • Pelo nome;
  • Por interesse;
  • Por gênero (conteúdo para homens e mulheres deve ser diferente);
  • Por local. A geolocalização ajudará na segmentação da audiência e na criação de boletins informativos relevantes.

10. Investir em automação

As ferramentas de automação podem ajudá-lo a ter uma experiência de interação mais racional e interessante com seus clientes. O envio de e-mails de boas-vindas a novos assinantes é a maneira mais simples de usar a automação e estimular o interesse. Você também pode enviar uma série de e-mails como parte de uma promoção sazonal.

As ferramentas de automação também podem enviar campanhas de redirecionamento, o que é especialmente útil para lojas on-line que têm uma alta taxa de rejeição de cestas. As ferramentas corretas podem ajudá-lo a segmentar instantaneamente os clientes com base nas diversas variáveis que você especificar. Independentemente do caso de uso, a automação economizará seu tempo e o ajudará a obter insights para um desenvolvimento futuro mais rápido.

Conclusão

Mesmo na era dos mensageiros e das redes sociais, o e-mail marketing continua sendo uma ferramenta eficaz. Para utilizá-lo da forma mais eficaz possível, é fundamental compreender o público e segmentar a base da forma mais restrita possível. Como resultado, é possível obter uma campanha de e-mail que obterá a melhor resposta dos clientes.

Experimente o Ranktracker GRATUITAMENTE